Close

Arquivos Mensais: outubro 2016 [f2016Sun, 30 Oct 2016 13:46:30 +000010pm312016 30UTC 30pm31pm 30201630 pmSun, 30 Oct 2016 13:46:30 +0000q00000046v201630 10UTC1030pm4630]

Psicanálise da Aprendizagem

JUSTIFICATIVA O ato de aprender é um dos grandes pilares da inserção de um indivíduo no mundo e que garante a troca entre o ensinante e o aprendente, além de permitir a constituição de vínculos, tão essenciais para nosso desenvolvimento no mundo e para a constituição de processos de subjetivação. É de suma importância, portanto, […]

Ler Mais

Sociodrama Familiar Sistêmico

JUSTIFICATIVA O conhecimento de conceitos básicos e de algumas técnicas da linha psicoterápica do Sociodrama Familiar Sistêmico, que se coloca a serviço da sociometria (estudo das relações interpessoais), na qual o sujeito é o grupo familiar e a preocupação é com o sofrimento da coletividade proveniente das relações pessoais repetitivas e geradoras de histórias consideradas […]

Ler Mais

Violência Intra-Familiar

JUSTIFICATIVA A violência intra-familiar, denominada no senso comum por violência doméstica, é uma das grandes dores sociais da contemporaneidade. Tratar casais violentos exige capacitação e considerar diversas especificidades, dentre as quais se inclui a necessidade de um olhar voltado às co-responsabilidades e complementaridades entre os cônjuges. É de suma importância que se possa dar atenção […]

Ler Mais

Mediação de Conflitos

JUSTIFICATIVA O processo de mediação de conflitos busca estabelecer junto com as partes novos parâmetros de comunicação e relacionamento entre os envolvidos na questão, facilitando, portanto, a eliminação de medos que prejudiquem a tomada de decisões. O papel do facilitador é ajudar as pessoas ou grupos envolvidos no conflito a assumirem suas responsabilidades sobre a […]

Ler Mais

Comunicação Não-Violenta

JUSTIFICATIVA Uma vez que a Comunicação Não Violenta corresponde a um procedimento que pretende ajudar a reformular a maneira pela qual o indivíduo se expressa e ouve o outro, ela contribui para a melhora da comunicação interpessoal em todas as áreas da vida, favorecendo a paz social. OBJETIVOS Saber como construir uma forma de comunicação […]

Ler Mais

Antropologia e Psicanálise: Contribuições para a Compreensão do Psiquismo na Saúde e na Doença

JUSTIFICATIVA Antropologia e Psicanálise podem ser vistos como campos do conhecimento que buscam a compreensão dos processos de subjetivação, no âmbito da cultura, e propiciam o desenvolvimento de um olhar para o mundo descentrado de si mesmo, seja por evitar interpretações etnocêntricas ou pela busca da ruptura com o embotamento narcísico, modo encapsulado de existir […]

Ler Mais

Psicanálise do Adolescente

JUSTIFICATIVA A adolescência é um período de grandes transformações físicas, psíquicas e relacionais. É um período de busca por identidade. Cabe refletir sobre esse momento do ciclo vital, mapeado por nossa sociedade, como de transição do mundo infantil ao do adulto, em que se dá a constituição do sujeito. OBJETIVOS Refletir sobre temas relacionados ao […]

Ler Mais

Psicossomática

JUSTIFICATIVA O programa é de suma importância na medida em que compreende corpo e psique como indissociáveis e prepara o profissional interessado no tema do adoecimento e da saúde a abordar manifestações somáticas de maneira integrada. OBJETIVOS Refletir sobre o processo psicossomático de adoecimento e a promoção de saúde. Conhecer abordagens na área da psicossomática. […]

Ler Mais

GILBERTO FERREIRA DA SILVA

Psicólogo (CRP: 06.22372-6). Mestrado em Psicologia Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Doutorado em Psicologia Clínica pela Universidade de São Paulo. Especialização em Cinesiologia pelo Instituto Sedes Sapientiae. Especialização em Psicologia Analítica na Clínica e Centro de Estudos de Psicologia Junguiana. Atualmente é psicólogo clínico e professor do Instituto Sedes Sapientiae SP. Tem […]

Ler Mais

II Jornada de Orientação Profissional

news_giovanna

Apresentação: A presente Jornada visa promover a discussão sobre como o homem estabelece as suas relações na contemporaneidade, sobretudo, com o seu trabalho. Em que medida as características atuais – avanço tecnológico, crescimento da virtualidade, busca pela produtividade/resultados, novas configurações intra e intersubjetivas e variedade nas formas de elaboração das experiências – impactam nas escolhas […]

Ler Mais