Close

novembro 9, 2016

PROGRAMA EM ORIENTAÇÃO PROFISSIONAL

O mundo educacional e ocupacional contemporâneo oferece uma multiplicidade de opções ao jovem que escolhe sua profissão.

Cabe considerar que escolher o que fazer é escolher quem ser. Nesse processo, o jovem está em busca não só de uma identidade ocupacional, mas de consolidar a base de sua identidade global, o que transforma essa tarefa em algo complexo. Imaginar-se anos à frente é o desafio.

A Orientação Vocacional procura oferecer experiências que promovam o autoconhecimento, além da investigação da realidade educacional e ocupacional. Trata-se de um processo de facilitação da escolha, no qual a entrevista é o recurso principal. Dinâmicas de grupo variadas, atividades para sondagem de interesses e pesquisa informativa compõem algumas das estratégias adicionais utilizadas no processo.

Modalidades de trabalho:

GRUPO:
A ser composto na empresa, fora do horário letivo. Número de participantes: 10. Número de encontros: 5. Duração do encontro: 3 hs. O material a ser utilizado é oferecido pelo Instituto Pieron.

OFICINA:
Corresponde a um ou dois período(s) (manhã e/ou tarde) de atividade em Orientação Profissional. As Oficinas (ou Workshops) podem ser oferecidas focalizando temas diversos, como: Autoconhecimento, Interesses, Personalidade, Informação Profissional, Vínculo com a família, Atitude frente ao estudo, Vestibular e processos seletivos etc. Número de participantes: 10 a 15. Duração: 4 ou 8 hs.

PLANTÃO INFORMATIVO:
Período a ser combinado com a instituição. O orientador disponibiliza horário, em local da empresa, para oferecer informações e supervisionar pesquisa em material informativo.

PALESTRA:
Duração de 2 hs com a opção de utilização do caderno 1 da Série de Atividades em Orientação Profissional, editado pelo Instituto Pieron, como atividade adicional posterior à exposição e diálogo. Esta atividade auxilia na sondagem dos interesses e na organização da pesquisa a ser realizada posteriormente pelo jovem.