Close

novembro 9, 2016

PROGRAMA EM ORIENTAÇÃO PROFISSIONAL

O mundo educacional e ocupacional contemporâneo oferece uma multiplicidade de opções ao jovem que escolhe sua profissão.

Cabe considerar que escolher o que fazer é escolher quem ser. Nesse processo, o jovem está em busca não só de uma identidade ocupacional, mas de consolidar a base de sua identidade global, o que transforma essa tarefa em algo complexo. Imaginar-se anos à frente é o desafio.

A Orientação Vocacional procura oferecer experiências que promovam o autoconhecimento, além da investigação da realidade educacional e ocupacional. Trata-se de um processo de facilitação da escolha, no qual a entrevista é o recurso principal. Dinâmicas de grupo variadas, atividades para sondagem de interesses e pesquisa informativa compõem algumas das estratégias adicionais utilizadas no processo.

Modalidades de trabalho:

GRUPO:
A ser composto na empresa, fora do horário letivo. Número de participantes: 10. Número de encontros: 5. Duração do encontro: 3 hs. O material a ser utilizado é oferecido pelo Instituto Pieron.

OFICINA:
Corresponde a um ou dois período(s) (manhã e/ou tarde) de atividade em Orientação Profissional. As Oficinas (ou Workshops) podem ser oferecidas focalizando temas diversos, como: Autoconhecimento, Interesses, Personalidade, Informação Profissional, Vínculo com a família, Atitude frente ao estudo, Vestibular e processos seletivos etc. Número de participantes: 10 a 15. Duração: 4 ou 8 hs.

PLANTÃO INFORMATIVO:
Período a ser combinado com a instituição. O orientador disponibiliza horário, em local da empresa, para oferecer informações e supervisionar pesquisa em material informativo.

PALESTRA:
Duração de 2 hs com a opção de utilização do caderno 1 da Série de Atividades em Orientação Profissional, editado pelo Instituto Pieron, como atividade adicional posterior à exposição e diálogo. Esta atividade auxilia na sondagem dos interesses e na organização da pesquisa a ser realizada posteriormente pelo jovem.

ATENDIMENTO INDIVIDUAL:

Programa que inclui 8 entrevistas, a serem agendadas de acordo com a disponibilidade e interesse do orientando. Interessados que residam fora de São Paulo ou pessoas que queiram evitar alguns deslocamentos podem agrupar essa carga horária em horários duplos ou utilizarem dois sábados, no caso em que participar do Programa de OP exija viagem a São Paulo. Quando o orientando tiver idade menor de 18 anos, é necessário que esteja acompanhado de um responsável no primeiro encontro, que poderá retornar também no último. Trata-se de trabalho de facilitação da escolha profissional, que inclui entrevistas e atividades variadas que exploram interesses, características de personalidade, informação educacional e ocupacional, modalidades de ação do orientando diante da atividade de escolher, entre outros aspectos.